Ouvindo música

Ágætis byrjun

ágætis byrjun – sigur rós, 1999

Considerado por alguma crítica como a obra-prima dos Sigur Rós, Ágætis Byrjun (em inglês, An All-Right Star) é o segundo álbum daquela banda islandesa. Por entre melodias que alguém, por ocasião de uma visita da banda a Portugal, considerou dignas de fazer parte da banda sonora do paraíso, o disco tem algumas singularidades como guitarras eléctricas tocadas com um arco de violoncelo ou o uso de um dialecto (Hopelandic) inventado pela banda para uma das músicas e que posteriormente viria a ser usado no álbum com o excêntrico nome de ( ) – o nome do disco é de facto os símbolos de abrir e fechar parêntesis – em várias músicas. Ao que parece, é suposto ser o ouvinte a fazer a sua interpretação das letras e escrevê-la nas páginas vazias da brochura que acompanha esse disco. 
No que diz respeito a Ágætis Byrjun, é um disco que parece limpar a mente e que sabe sempre bem ouvir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: